Destaque

Mãe e empreendedora… por onde começar?

Por Rede Materna

Não tem como fugir, a maternidade provoca uma grande mudança na vida de qualquer mulher. No meio de fraldas, noites mal dormidas, aprendizados e tudo o que vem junto com o bebê, muitas mulheres precisam voltar ao trabalho, seja por conta da realização pessoal ou necessidades financeiras.

Neste momento, a quantidade de mães que buscam alternativas de trabalho em casa é grande e, para aquelas que têm empregos que não permitem esta opção, a ideia de empreender costuma surgir de maneira quase que natural.

De acordo com o Anuário das Mulheres Empreendedoras e Trabalhadoras em Micro e Pequenas Empresas, do Sebrae  (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), em conjunto com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômico (Dieese), entre os anos de 2002 e 2012, o número de mulheres empreendedoras no Brasil aumentou 19%. Este percentual inclui muitas mães – que contavam com bons empregos e altos salários – e abriram mão de tudo para poder passar mais tempo com os filhos.

Mas, quando vem a ideia de empreender, surgem também muitas dúvidas e o medo de não saber por onde começar. O Sebrae, tanto em suas unidades físicas quanto na internet, oferece assistência para quem está se aventurando pela ideia de começar seu próprio negócio.

Confira algumas das dicas do Sebrae para iniciar bem seu negócio, disponíveis no site da instituição:

*Saiba que negócio abrir;

*Veja se você tem perfil para empreender;

*Organize-se

*Saiba como obter crédito;

*Coloque a mão na massa.

Quer saber mais? Acesse o site www.sebrae.com.br e confira mais dicas de como obter sucesso em seu empreendimento.

 

 

Foto: www.familia.com.br

agosto 17, 2016 / por / em,
Vem com a gente
Facebook Vem com a gente Vem com a gente